O Branco É Plural

 

patag

Subo sozinho porque preciso de paz. Porque o vento que me corta traz o silêncio que preciso ouvir. Subo porque os músculos que me revestem gritam. Querem mexer-se, desalinhar-se. Subo para me sentir maior. Grande. E para olhar ao redor. Fotografar com meus olhos nuvens, montanhas, neve e assim entender que o branco tem várias cores. É plural. Subo para olhar para dentro. De mim. Peço ajuda, mas não escuto resposta. Só escuto o vento que teima em cortar-me. Fundo. Desço e me sinto melhor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s